É possivel evitar a bronquite tomando algumas precauções e tomando a medicação certa
A bronquite é uma doença respiratória e ela pode ser evitada

Grande parte da população não sabe diferenciar bronquite de asma e outras doenças respiratórias. A parte mais triste disso, é que mais de 60% não sabe como trata-las e muito menos evita-las.

Uma estatística nada animadora é que a bronquite provoca 350 mil internações anualmente e cerca de 3 mil mortes.

Recentemente o Datafolha fez uma pesquisa para saber se as pessoas sabem o que é a bronquite. 55% dos entrevistados acreditam (erroneamente) que a bronquite é causada pelo clima, 53% acreditam que a poeira é o principal vilão e a fumaça toxica, a verdadeira causa, ficou com o modesto terceiro lugar.

Veja mais:

Corticoides: Tudo que você precisa saber

Desmistificando: Posso beber e tomar remédio?

Orlistat – O remédio que emagrece

O que é?

De maneira geral a bronquite é uma inflamação nos brônquios, que por sua vez são os canais que conduzem o ar para inflar os pulmões.

Essa doença é muito comum, e pode ser dividida em dois tipos: Bronquite aguda e Bronquite crônica. A diferença entre as duas consiste na gravidade das crises, duração do quadro clinico.

Bronquite Aguda

Esse tipo bronquite é causado por vírus e dificilmente não vem acompanhada por doenças infecciosas como gripes e resfriados.

Bronquite Crônica

Na maioria dos casos é causado pelo fumo, poluição e a inalação de gases tóxicos. A bronquite crônica é um tipo de Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC).

Quais os sintomas

Os sintomas da bronquite aguda e crônica são:

  • Fadiga/Cansaço
  • Catarro presente na tosse
  • Chiado no peito
  • Desconforto no peito ou na garganta.
  • Dificuldade para respirar e falta de ar
  • Febre e calafrios
  • Tosse seca
  • Pernas e pés inchados
  • Resfriados e gripes frequentes

Tratamento

Na maioria das vezes a bronquite se resolve sozinha em duas semanas, sem a necessidade do uso de medicamentos. Em casos mais críticos, onde as crises são mais intensas, o médico prescreve alguns remédios como:

LEMBRE-SE que só o médico deve indicar o uso de qualquer medicamento, principalmente quando se trata de doenças pulmonares.

Prevenção

É possível reduzir drasticamente as chances de desenvolver a bronquite e até mesmo reduzir as crises de falta de ar. Veja a lista abaixo:

  • Não fumar;
  • Caprichar na alimentação para criar uma imunidade alta;
  • O fator idade influencia diretamente nas crises. Idosos e crianças são os que mais sofrem;
  • Evite exposição a gases tóxicos e poluição;
  • O refluxo aumenta a chance do paciente desenvolver problemas respiratórios;
  • Mantenha as vacinas em dia! Não deixe de tomar as vacinas da gripe e a pneumocócica;
  • Tenha sempre um álcool em gel para desinfetar suas mãos e manter o vírus longe;
  • Mantenha a casa sempre limpa e sem poeira;
  • Não deixe o seu animal de estimação dormir no quarto com você;
  • Faça uso de colchões e travesseiros anti-ácaros.
  • Utilize cobertores antialérgicos;

Comentários