dia_mundial_sem_carroTodo dia 22 de setembro é conhecido como o Dia Mundial sem Carro. Como o próprio nome diz, é um dia onde o mundo inteiro se mobiliza para deixar seus carros na garagem, em prol de qualidade de vida e menos poluição. Em muitos países o dia é encarado como uma crítica, que levanta discussões sobre formas de mobilidade urbana e provoca até mesmo uma reflexão sobre a dependência que as pessoas possuem sobre a utilização indiscriminada dos carros e motos.

Inicialmente a data foi criada em 1997 na França, sendo adota por diversas cidades em volta do globo em meados de 2000. Com um objetivo claro de defender o meio ambiente, não só na Europa, mas como em muitos polos comerciais na Ásia, essa semana é recheada de eventos e incentivos para promover uma pequena mudança de hábitos.

Se focarmos no tema e relacionamos ele com a saúde, realmente é notável o impacto que algumas mudanças poderão significar na sua vida. Além do fato de que a poluição é um mal que precisa ser combatido e é considerada como sendo um dos principais vilões das inúmeras doenças respiratórias, locomover-se pela cidade usando transporte público, a pé ou de bicicleta ajuda a reduzir essa emissão de gases nocivos e ainda colabora para diminuição do estresse e aumenta o hormônio da dopamina, um hormônio muito útil para cérebro, evitando a fadiga e melhorando o seu raciocínio.

Uma mudança radical, pode parecer difícil e até uma loucura, mas tente fazer por um dia, dois, uma semana. A vida é feita de experiências e você pode gostar de um novo estilo de vida. Pense em você, pense no mundo e principalmente, pense no futuro que você quer deixar para os seus filhos.

Confira 5 bons motivos:

Menos poluição: Ano após ano, vemos recordes de venda nos automóveis, e muito embora algumas empresas já se mobilizam em deixar suas máquinas menos poluentes, mesmo assim as perspectivas para popularizar os carros híbridos/elétricos parece distante da realidade de muitos. Enquanto isso o restante da frota que circula diariamente, causa uma deterioração absurda quando falamos de questões ambientais.

Menos transito: Em alguns lugares o transito é tão caótico que o rodizio de carros foi instaurado, mesmo assim, é inegável os congestionamentos em horários de pico, tornando-se uma loucura tirar o carro para percorrer pequenas distâncias.

Humor: A poluição afeta sua saúde e o transito afeta o seu humor. Ficar parado em grandes congestionamentos, engatando a primeira e a segunda marcha, torna o seu dia mais cansativo e estressante, enquanto caminhar e interagir com a sociedade, faz você se tornar mais criativo e bem-humorado.

Mais saúde: O ser humano necessita de estímulos para realizar exercícios. Optar por não usar o carro te deixa mais disposto e animado para realizar as tarefas do dia, além disso, caminhar e pedalar são excelentes exercícios físicos que ajudam na circulação.

Tempo de trajeto: Em muitas cidades já é possível usufruir das famosas e polemicas ciclo-faixas que ligam toda a cidade. Outras formas de tornar o trajeto muito mais rápido é utilizar o transporte coletivo como o metrô e ônibus, alias, os ônibus possuem faixas exclusivas justamente para agilizar as viagens. Diminuindo esse tempo de deslocamento da casa para o trabalho, você pode passar mais tempo com a sua família e aproveitar para começar novos projetos.

Comentários